Alerj vota projeto que autoriza lockdown no estado. Decisão vai depender do governador

Alerj vota projeto que autoriza lockdown no estado. Decisão vai depender do governador

Por Gabriel Barreira, G1 Rio

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) deve votar, nesta terça-feira (18), um projeto de lei que autoriza o governo a adotar o lockdown — medidas ainda mais restritivas — como forma de enfrentamento ao coronavírus.

Se aprovada pelos deputados, a proposta ainda precisa ser sancionada pelo governador Wilson Witzel (PSC) e, ainda assim, não obrigaria o Poder Executivo a adotá-la. A aprovação do texto apenas daria respaldo jurídico ao governo para a implementação do lockdown.

G1 apurou, porém, que o projeto não foi articulado entre a Alerj e o governo — o que ocorre em alguns projetos “autorizativos”, para os Poderes Legislativo e Executivo dividirem o custo político da decisão.

A possível adoção do lockdown no estado ainda é uma incógnita. Na semana passada, um decreto do governador Wilson Witzel (PSC) recomendou aos prefeitos que avaliem a medida de acordo com as necessidades de cada município.

O projeto na Alerj é do deputado Renan Ferreirinha (PSB), para quem o lockdown seria uma medida temporária. “Único caminho para evitar uma pilha de cadáveres”, nas palavras dele.

Ferreirinha afirma que a Alerj não pode obrigar o governo a adotar, mas que a aprovação pela Casa seria importante por dois motivos: daria o aval popular e dividiria o ônus político com o governador.

“A gente (Alerj) não poderia obrigar, seria inconstitucional, tem que partir do governador. Mas seria simbólico que a Alerj, assim como o MP, que fez a recomendação, ter essa iniciativa”, afirma.

A proposta enumera as seguintes medidas de restrição:

  • suspensão de toda atividade não essencial
  • limitação de reuniões de pessoas em espaços públicos ou privados
  • regulamentação de horário de serviços públicos e essenciais
  • suspensão da circulação de veículos particulares (exceto para compra de alimentos e remédios)
  • suspensão de entrada e saída de veículos do estado (exceto atividades essenciais como cargas e ambulância)
  • multa para quem descumprir regras, como não usar máscara.

About author

Partido Socialista Brasileiro
Partido Socialista Brasileiro 366 posts

Em 1947 o Partido da Esquerda Democrática transformou-se em Partido Socialista Brasileiro. Somente em 1986, com a redemocratização, o PSB voltou ao cenário nacional, quando realizou o primeiro encontro nacional do partido.

You might also like

Notícias 0 Comments

Hugo destaca ação da PRF: menos mortes no trânsito no Natal

O número de mortes durante o feriado de Natal, de 22 a 25 de dezembro, teve queda de 30% nas estradas federais do Brasil em 2017, informou a Polícia Rodoviária

Notícias 0 Comments

Royalties: Câmara aprova projeto de Hugo que beneficia o Rio

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou o PL 6488/16 do deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ) e de outros seis deputados do Rio que autoriza a União

Entrevistas 0 Comments

EM ENTREVISTA, MOLON AVALIA O PRIMEIRO ANO DE JAIR BOLSONARO

Com informações do site Congresso em Foco Deputado federal, líder da Oposição na Câmara e presidente do PSB-RJ, Alessandro Molon foi escolhido pelos jornalistas que cobrem o Parlamento o Melhor

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply