Governadores do PSB querem controle nas fronteiras contra armas e drogas

Governadores do PSB querem controle nas fronteiras contra armas e drogas

Os governadores do PSB Paulo Câmara (Pernambuco) e Rodrigo Rollemberg (Distrito Federal) defenderam maior reforço policial nas fronteiras para evitar o tráfico de armas, munições e drogas que provocam o aumento da criminalidade nas cidades. Eles participaram do Encontro de Governadores do Brasil pela Segurança e Controle das Fronteiras – Narcotráfico, uma emergência nacional, em Rio Branco, capital do Acre.

O governador Paulo Câmara: 70% dos homicídios em Pernambuco são relacionados ao tráfico

De acordo com dados divulgados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil registrou 61.619 mortes violentas em 2016, o maior número de homicídios da história.  Sete pessoas foram assassinadas por hora no ano passado, aumento de 3,8% em relação a 2015. A taxa de homicídios para cada 100 mil habitantes ficou em 29,9 no país.

Durante o encontro, Câmara destacou o aprofundamento da crise de segurança pública em todo o país e criticou a redução em mais de 50%, entre 2016 e 2017, do efetivo das Forças Armadas para coibir o crime nas fronteiras. “Com drogas e armamento pesado entrando com facilidade, o trabalho dos Estados é dificultado ainda mais. O crack já não está restrito apenas às grandes cidades. E cerca de 70% dos homicídios cometidos em Pernambuco decorrem do tráfico”, disse.

O governador de Pernambuco reconheceu ainda que não há solução fácil para a falta de segurança no país, mas destacou a necessidade de um esforço conjunto para enfrentar o problema. “De 2000 para cá, todos os presidentes da República lançaram um plano próprio, mas o que tivemos, de fato, foi um aprofundamento da crise de segurança em todo o País. Passou da hora de esse desafio ser enfrentado de forma integrada, com responsabilidades claras de cada um dos entes da Federação, União, Estados e Municípios”, afirmou.

Para Rollemberg, é necessário que a União fortaleça a presença das Forças Armadas e da Polícia Federal nas fronteiras. “O controle das fronteiras, seja para evitar o contrabando de armas, seja para coibir a entrada de drogas ilegais, é fundamental para melhorar a segurança das diversas cidades do Brasil”, declarou o socialista. O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, foi representado pela vice-governadora do Estado, Lígia Feliciano.

O encontro, que reuniu 20 governadores de todo o país, foi finalizado com a divulgação da “Carta do Acre”, na qual é proposta a criação de um fundo para financiar as medidas de segurança, como ocorre na área da Saúde e Educação, por exemplo. Os governadores também reivindicaram a implantação de um plano nacional integrado entre governos estaduais e federal, a ampliação da presença das Forças Armadas, da Política Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) nas fronteiras. Ainda no documento os governantes pedem a integração das atividades de inteligência e informações dos governos estaduais e federal.

About author

Partido Socialista Brasileiro
Partido Socialista Brasileiro 88 posts

Em 1947 o Partido da Esquerda Democrática transformou-se em Partido Socialista Brasileiro. Somente em 1986, com a redemocratização, o PSB voltou ao cenário nacional, quando realizou o primeiro encontro nacional do partido.

You might also like

Notícias 0 Comments

PSB de Quissamã reunirá filiados

O presidente da Comissão Executiva Municipal de Quissamã, Paulo Parente, promoverá na próxima quinta-feira (19), às 19h, uma reunião com os filiados e apoiadores do PSB no município. O encontro

Notícias 0 Comments

PSB fecha questão em denúncia sobre Temer e ministros

  O Diretório Nacional do PSB, reunido na terça-feira (26/8) decidiu fechar questão em favor do prosseguimento das investigações referentes à segunda denúncia contra o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu

Notícias 0 Comments

Royalties: Câmara aprova projeto de Hugo que beneficia o Rio

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou o PL 6488/16 do deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ) e de outros seis deputados do Rio que autoriza a União

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply