Ato cultural com clássicos da MPB na celebração dos 70 anos do PSB

Ato cultural com clássicos da MPB na celebração dos 70 anos do PSB

 

João Bosco no show de encerramento da festa de 70 anos do PSB

As comemorações dos 70 anos do PSB em Brasília foram encerradas na noite desta sexta-feira (11) ao som de clássicos do samba, da bossa nova e da música popular brasileira, interpretados pelo compositor João Bosco e pelo grupo vocal Quarteto em Cy.

O Centro Cultural Ulysses Guimarães, em Brasília, lotou com socialistas e convidados. O evento começou com a execução do hino nacional e a exibição de um vídeo produzido pelo PSB sobre o exercício da cidadania e a filiação partidária. Estiveram presentes o presidente nacional do partido, Carlos Siqueira, o vice-presidente de Relações Governamentais, Beto Albuquerque, o presidente da Fundação João Mangabeira, Renato Casagrande, e o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg. Renata Campos, viúva do ex-governador de Pernambuco, e os filhos também prestigiaram o encerramento das comemorações que teve Eduardo Campos como principal homenageado.

Um dos maiores nomes da música popular brasileira, João Bosco interpretou canções consagradas como Aquarela do Brasil, composição de Ary Barroso, e Águas de Março, do cantor e maestro Tom Jobim. Ao violão, Bosco também apresentou alguns de seus maiores sucessos, como Nação e Coisa Feita, do álbum Comissão de Frente (1982), e Incompatibilidade de gêneros, de Galos de Briga (1976).

Entre as atrações, durante o show, diversas imagens históricas do partido e uma linha do tempo sobre os principais acontecimentos de suas sete décadas de fundação foram exibidas em telões no fundo do palco.

Bosco encerrou sua apresentação dividindo o palco com o Quarteto em Cy para interpretar Sinhá, canção que compôs e gravou em 2001 em parceria com Chico Buarque.  As músicas de Chico ocuparam uma boa parte do repertório do grupo vocal formado na década de 1960: Esperando o Trem, Futuros Viajantes, João e Maria e Mentira. O quarteto presenteou a plateia também com canções de Tom Jobim, Vinicius de Moraes, e Toquinho.

O desfecho do ato cultural contou com um segundo encontro entre João Bosco e o Quarteto em Cy, que voltaram a dividir o palco para interpretar O Bêbado e o Equilibrista, música conhecida na voz de Elis Regina e que se tornou um hino de resistência contra a ditadura militar. Os artistas clássicos da MPB finalizaram as apresentações com Rancho da Goiabada, de João Bosco.

About author

Partido Socialista Brasileiro
Partido Socialista Brasileiro 99 posts

Em 1947 o Partido da Esquerda Democrática transformou-se em Partido Socialista Brasileiro. Somente em 1986, com a redemocratização, o PSB voltou ao cenário nacional, quando realizou o primeiro encontro nacional do partido.

You might also like

Notícias 0 Comments

Jogo do Poder: Hugo critica “ação isolada” do governador

Coordenador da bancada do Rio na Câmara e presidente estadual do PSB, o deputado federal Hugo Leal criticou o governador Luiz Fernando Pezão por sua ação isolada na busca de

Notícias 0 Comments

NSB recebe filiação e apadrinhamento do Senador Romário

Negritude Socialista Brasileira (NSB) – 03/06/2015 A Negritude Socialista Brasileira (NSB/PSB) recebeu, nesta quarta-feira (03), um novo filiado, o senador Romário (PSB/RJ). Valneide dos Santos, secretária Nacional do Segmento Negro,

Notícias 0 Comments

Concessões: emenda de Hugo impede adiamento de investimentos

  O deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ) apresentou emenda supressiva à MP 800/2017, que estabelece diretrizes para reprogramação de investimentos em concessões rodoviárias federais. O objetivo da emenda é impedir

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply