Regulamentado parcelamento de débitos para municípios

 

Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) regulamentou, esta semana, o programa de parcelamento de débitos previdenciários de municípios, estados e Distrito Federal, instituído pela Medida Provisória 778/2017. Esse Refis permite a regularização de dívidas vencidas até 30 de abril deste ano, que poderão ser parceladas em até 200 meses. O pedido de parcelamento deverá ser protocolado no período de 3 a 31 de julho nas unidades da PGFN. O programa também já havia sido regulamentado pela Receita Federal, há duas semanas.

O deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ), coordenador da bancada do Rio na Câmara, alertou a importância dos municípios interessados no parcelamento se organizem para fazerem o pedido. “As prefeituras devem estar preparadas para solicitar o parcelamento que, inclusive, permite a assinatura de convênios com o governo federal e o recebimento de recursos”, frisou o parlamentar.

De acordo com a PGNF, será possível o parcelamento dos débitos junto à Fazenda em até 200 vezes. Serão aplicados os seguintes porcentuais de redução: 25% dos valores relativos às multas de mora, de ofício e isoladas e encargos legais, inclusive honorários advocatícios; e 80% do valor relativo aos juros de mora. O deferimento do pedido de adesão fica condicionado ao cumprimento dos requisitos formais determinados e ao pagamento da primeira parcela

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta que os débitos poderão ser liquidados observando-se o pagamento à vista e em espécie de 2,4% do valor total da dívida consolidada, sem reduções, em até seis parcelas iguais e sucessivas, vencíveis entre julho e dezembro de 2017; e o pagamento do restante da dívida consolidada em até 194 parcelas, vencíveis a partir de janeiro de 2018, com as seguintes reduções. O valor da parcela não pode ser inferior a R$ 500.

Confira a íntegra da portaria aqui.

About author

Partido Socialista Brasileiro
Partido Socialista Brasileiro 99 posts

Em 1947 o Partido da Esquerda Democrática transformou-se em Partido Socialista Brasileiro. Somente em 1986, com a redemocratização, o PSB voltou ao cenário nacional, quando realizou o primeiro encontro nacional do partido.

You might also like

Notícias 1Comments

PSB se fortalece no Rio

Em março, quando assumiu a presidência do PSB-RJ, o senador Romário Faria, afirmou que um dos principais objetivos da nova executiva era fazer com que o partido cresça e se

Notícias 0 Comments

Hugo Leal apresenta 11 emendas à MP do Código de Mineração

    Integrante da Comissão Mista do Congresso que analisa a MP 790/2017, que altera o Código de Mineração, o deputado federal Hugo Leal (PSB/RJ) apresentou 11 emendas após manter

Notícias 0 Comments

Álcool – um perigo iminente

Imprudência aliada à irresponsabilidade, álcool associado à direção. Para reverter esta soma de resultados altamente negativos ao transito brasileiro, só fiscalização e reeducação, não bastariam. Mas como mudar o hábito

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply