Pré-congresso regional do PSB/RJ em São Gonçalo reúne mais de 200 pessoas e discutem crise nacional

O município de São Gonçalo sediou, nesta sexta-feira (19), o quinto Pré-Congresso Regional das Regiões Metropolitana 2 e Baixada Litorânea. Dirigentes e militantes do PSB/RJ das duas regiões debateram a crise política brasileira e a organização partidária, com o foco nas eleições de 2018. O evento aconteceu na Associação Comercial de São Gonçalo, localizado na Rua Feliciano Sodré, 82, 1° andar – Centro.

Foram convidados os filiados ao partido dos municípios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Maricá, Tanguá, Rio Bonito, Silva Jardim, Araruama, Armação de Búzios, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande Rio das Ostras, São Pedro D’Aldeia e Saquarema. Mais de 200 pessoas participaram do encontro socialista em São Gonçalo. O anfitrião Marlos Costa, secretário geral do diretório estadual do PSB, ressaltou a importância da história de luta do partido e sua tradição na luta de classes.

“Esse momento é o da unidade nacional e o PSB tem que estar preparado para isso, tem que estar disposto para isso. Como um partido que tem um posicionamento de luta, que nasce da luta contra o Estado Novo e se reorganiza após a redemocratização do nosso país. O PSB que tem a tradição na luta da classe trabalhadora e que pode lutar pela unidade do campo da centro-esquerda. Quero saudar os movimentos LGBT, o Movimento das Mulheres e da Juventude Socialista, também porque um partido só vai ter vitalidade se tiver um diálogo direto e permanente com a sociedade e não pode ser apenas um instrumento da disputa eleitoral. O partido é para levantar as bandeiras, fazer o diálogo e nos diferenciamos exatamente por isso. Os próximos dias serão decisivos para a história da nossa região, estado e País. Agora é o momento de conversar com cada vizinho, cada parente, para que a gente possa inundar as ruas do nosso país, com este sentimento cívico, de mudança que só as diretas já vão poder proporcionar”, acredita Marlos Costa.

Para o deputado federal e presidente do PSB/RJ Hugo Leal, o momento é decisivo. Na fala de abertura do encontro, Hugo ressalta a importância do debate que antecede as eleições de 2018 e, principalmente, o momento de reflexão para o futuro do Brasil.

“O importante para nós é que possamos aqui fazer um grande documento, assim como foi nos quatro encontros anteriores. Ainda teremos mais dois encontros. Tudo isso significa a movimentação, a preparação do partido para o enfrentamento de todas as suas posições e de todas as nossas pretensões, também para as eleições de 2018. Esse evento foi desenhado para que nós tivéssemos a oportunidade de discutir a conjuntura nacional e a Reforma da Previdência e isso é importante, a participação das pessoas. Isso vem ao encontro do que o PSB está discutindo nacionalmente tanto na Câmara, quanto no Senado Federal. A participação das pessoas nos eventos é fundamental”, acredita o parlamentar.

Diante de tantas incertezas e possibilidades de discussão e posicionamentos, Hugo Leal antecipou que neste sábado (20) o PSB Nacional fará uma reunião com o diretório Nacional, onde será debatido o posicionamento que o PSB terá diante da crise que o País está passando.

“Agora é inevitável que tenhamos que debater a circunstância atual do Brasil. Amanhã, às 10h teremos uma reunião do diretório nacional, com alguns integrantes da Câmara e do Senado Federal e nós vamos tirar, deste encontro, o posicionamento do PSB diante dos fatos que ocorreram e as discussões que iremos enfrentar diante destes novos fatos. O PSB terá que fazer este enfrentamento. A situação para o presidente em exercício Michel Temer ficou extremamente delicada e estamos nos deparando, mais uma vez, com um momento de falta de governabilidade. Isso é o que eu imagino, afirma Hugo Leal.

O péssimo cenário político nacional vem se refletindo nas urnas Brasil afora. “A população está optando em não ir votar, ou em votar branco, ou em votar nulo, o que não contribui nenhum pouco para mudar o quadro político que está aí. Mas aí, nós temos que fazer uma reflexão. Porque nós que representamos um partido político, não estamos conseguindo ser capazes de mostrar para esse eleitor quais são os caminhos que a gente precisa seguir. Quais são as alternativas que nós temos para o futuro deste país, pra nossa cidade e pro nosso estado. É por isso que este encontro aqui é muito importante para nós encontrarmos esse caminho”, avalia Peixoto.

Compuseram a mesa Marlos Costa, secretário geral do diretório estadual do PSB/RJ, Uruan de Andrade, secretário de organização do partido, Felipe Peixoto, segundo vice-presidente do diretório estadual do PSB/RJ, Jurandir Lemos, secretário de finanças do PSB/RJ, Joílson Cardoso, primeiro secretário da executiva estadual do PSB/RJ, Thaísa Chaves, presidente do PSB de São Gonçalo, Diney Mariz, Alexandre Gomes e Natan Ferreira, vereadores pelo PSB de São Gonçalo, Bruno Miranda, vereador do PSB de Casimiro de Abreu.

Além de São Gonçalo, estiveram presentes no encontro militantes e dirigentes municipais dos diretórios de Niterói, Duque de Caxias, Araruama, Maricá, Cabo Frio, Seropédica e Itaboraí. O próximo encontro está marcado para o dia 27/05, às 14h, em Campos dos Goytacazes e vai reunir as regiões do Norte e Noroeste Fluminense.

 

 

 

 

About author

Partido Socialista Brasileiro
Partido Socialista Brasileiro 99 posts

Em 1947 o Partido da Esquerda Democrática transformou-se em Partido Socialista Brasileiro. Somente em 1986, com a redemocratização, o PSB voltou ao cenário nacional, quando realizou o primeiro encontro nacional do partido.

You might also like

Notícias 0 Comments

Hugo e Beto reforçam campanha de candidatos do PSB em Niterói e Petrópolis

Vice-presidente nacional de Relações Institucionais do PSB, o ex-deputado Beto Albuquerque esteve, nesta quinta, no Rio de Janeiro, onde, ao lado do deputado federal Hugo Leal, presidente estadual do partido,

Nacional 0 Comments

PSB confirma liderança na esquerda com vitórias no Recife e em três grandes centros de SP

Eleições 2016 – 30/10/2016 O PSB consolidou, neste domingo (30), sua posição de liderança no campo da esquerda ao conquistar o maior número de prefeituras nas eleições de 2016. Ao

Notícias 0 Comments

Executiva Nacional do PSB decide apoiar Marcelo Freixo no Rio

A Executiva Nacional do  Partido Socialista Brasileiro decidiu prestar apoio irrestrito ao candidato à prefeitura do Rio, Marcelo Freixo (PSOL), no segundo turno das eleições, considerando a deliberação, na tarde

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply