Saúde libera quase R$ 300 milhões em emendas para o Rio 

ministro saude ricardo barros ms Foto Rondon Vellozo

O Ministério da Saúde anunciou, nesta segunda (30/1) a liberação de R$ 395,4 milhões para o estado do Rio de Janeiro. São recursos referentes a emendas parlamentares e investimentos do Governo Federal destinados ao custeio de 160 serviços e leitos que estão em funcionamento e passam a receber contrapartida federal para habilitação ou qualificação no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). “A saúde é sempre considerada prioridade para os parlamentares do Rio e para o própria bancada. A liberação dos recursos das emendas é uma ótima notícia para os municípios e para o estado”, afirmou o deputado federal Hugo Leal (PSB-RJ), coordenador da bancada do Rio na Câmara e que esteve presente ao encontro entre o ministro da Saúde, Ricardo Barros, com prefeitos e gestores de saúde no Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into).

Dos R$ 395,4 milhões, R$ 288 milhões vieram de emendas parlamentares e da bancada. O valor total será destinado a 160 serviços/leitos distribuídos em 37 municípios fluminenses – entre eles, Petrópolis, Teresópolis, Angra dos Reis, Carmo, Cachoeiras de Macacu, Nova Friburgo e Campos. Prioridade do ministro Ricardo Barros nos primeiros 200 dias à frente da pasta, a otimização de gastos alcançou uma eficiência econômica total no país de R$ 1,9 bilhão, possibilitando aumentar a assistência à população no âmbito da rede pública de saúde.

Do total do valor liberado para o Rio de Janeiro, R$ 106,6 milhões beneficiam serviços como leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), voltados para os atendimentos de urgência e emergência, saúde bucal, saúde do trabalhador, saúde mental, rede de atenção à urgência e emergência, além do custeio de serviços hospitalares e ambulatoriais voltados à assistência especializada, incluindo os atendimentos de média e alta complexidade, como oncologia. Há ainda R$ 288,8 milhões referentes a emendas parlamentares e R$ 3,6 milhões para custeio anual de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no município de Niterói.

Além destes recursos, a pasta também está destinando mais R$ 93,2 milhões em empenhos para a construção, reforma e/ou ampliação de 50 Academias da Saúde, um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), 283 Unidades Básicas de Saúde (Requalifica UBS), duas Estratégias Rede Cegonha, quatro Unidades de Acolhimento, três Unidades de Pronto Atendimento, três Centros Especializados em Reabilitação (CER) e duas Oficinas Ortopédicas.

Foto: Rondon Vellozo/MS

About author

You might also like

Agenda 0 Comments

Índio e Hugo debatem gestão na Associação Comercial

  Os deputados federais Índio da Costa, candidato a prefeito do Rio pelo PSD, e Hugo Leal (PSB/RJ), candidato a vice-prefeito na chapa, participaram na tarde desta quarta-feira de debate

Agenda 0 Comments

Felipe Peixoto tem mais um dia de caminhadas na Zona Norte e Região Oceânica

  Candidato fez ainda reunião com integrantes do Comitê da Juventude da coligação Cidade Limpa   O candidato a prefeito de Niterói pelo PSB, Felipe Peixoto, teve neste domingo, 16,

Agenda 0 Comments

Bomtempo reafirma compromisso com a defesa dos direitos da mulher

Em visita ao bairro de Corrêas, na segunda-feira (10/10), o candidato Rubens Bomtempo reafirmou seus compromissos com a defesa dos direitos da mulher. “Tratamos esta questão como prioridade no governo.

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply