Indio e Hugo defendem melhorar postos e criar consórcios de saúde

Indio e Hugo defendem melhorar postos e criar consórcios de saúde

whatsapp-image-2016-09-23-at-13-28-40

 

Os deputados federais Índio da Costa, candidato a prefeito pelo PSD, e Hugo Leal (PSB/RJ), candidato a vice na chapa, estiveram no Hospital Pedro II, em Santa Cruz, onde conversaram com pacientes e seus familiares sobre os problemas da saúde no município. Índio criticou as promessas de criação de novas unidades. “Nós precisamos botar para funcionar bem as clínicas da família que é apenas um nome novo para os antigos postos de saúde. Nós precisamos melhorar efetivamente a atenção à saúde básica, com melhores condições e também profissionais de pediatria e geriatria”, disse o candidato a prefeito.

Hugo Leal acrescentou que as falhas na saúde básica levam a sobrecarga dos hospitais. “Todos os hospitais do Rio recebem pacientes de outros municípios como é o caso aqui do Pedro II que recebe doentes de Itaguaí, de Seropédica, de Mangaratiba, de Angra. É possível aliviar o sistema através de consórcio, que preveja a compensação financeira dos serviços prestados para atender bem a quem venha dos municípios mantendo o serviço de qualidade para atender o carioca”, afirmou o parlamentar do PSB e candidato a vice-prefeito.

Índio lembrou que uma das missões de Hugo na sua gestão será cuidar da integração com os outros municípios. “O prefeito da cidade tem a obrigação de interferir e agir em todos os problemas que atingem a cidade e a sua população. E, muitos deles, são comuns ao Rio e aos municípios vizinhos e não serão resolvidos se um ficar botando a culpa no outro. Por isso, vamos criar uma instância administrativa, com o vice-prefeito Hugo Leal à frente – para coordenar as ações da capital com os municípios da região metropolitana”, afirmou o candidato a prefeito pelo PSD.

Índio da Costa e Hugo Leal foram acompanhados em Santa Cruz pelos candidatos a vereador Igor Bicaco (PSD), Gilmara Alves (PMB) e Ivana Paranhos (PMB). O candidato a prefeito defendeu o uso de aplicativos para fiscalizar o atendimento nas unidades de saúde. “Vamos criar uma linha direta entre a população e o prefeito para que a gente saiba dos problemas em tempo real e eles sejam resolvidos imediatamente. A população vai poder reclamar se está faltando médico, equipamento, remédio. E vai dar nota para o atendimento”, disse Índio da Costa.

About author

You might also like

Notícias 0 Comments

PSB realizará recadastramento nacional de filiados

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) realizará de 20 de janeiro a 20 de março de 2017 o recadastramento dos seus 747.422 filiados em todo o território nacional. O objetivo da

Notícias 0 Comments

Para Hugo, aumento de contribuição de servidor é inconstitucional

  Os artigos 37 e 38 da MP 805 – sobre a contribuição social dos servidores da União, incluindo o aumento de 11% para 14% – são inconstitucionais, na visão

Notícias 0 Comments

Hugo destaca ação da PRF: menos mortes no trânsito no Natal

O número de mortes durante o feriado de Natal, de 22 a 25 de dezembro, teve queda de 30% nas estradas federais do Brasil em 2017, informou a Polícia Rodoviária

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply