Indio e Hugo vão criar secretaria municipal de Segurança Pública

Em ato realizado em frente à sede da Guarda Municipal, os deputados federais Índio da Costa, candidato a prefeito do Rio pelo PSD, e Hugo Leal (PSB), candidato a vice na chapa, anunciaram que vão criar a Secretaria Municipal de Segurança Pública, para atuar também na prevenção de crimes e na defesa da vida. “A Guarda do Rio ainda funciona sob a lógica da defesa patrimônio apesar da lei 13022, de 2014, que criou o estatuto das guardas e aumentou suas funções”, disse Índio da Costa, acrescentando que, eleito, vai colocar nos postos de comando integrantes da própria Guarda. “Não faz sentido que a Guarda seja comandada por policiais militares o que acaba deixando a instituição subordinada à PM. Queremos integração e cooperação, mas as funções são bem diferentes”, argumentou Indio da Costa.

O candidato a vice, Hugo Leal – que teve a segurança como um dos temas de seu discurso quarta-feira na tribuna – afirmou que a Prefeitura do Rio tem virado as costas para o problema. “A prefeitura se omite nas questões de segurança, atirando toda a responsabilidade sobre a prevenção e o combate ao crime nas costas da polícia estadual – Civil e Militar – e na polícia federal. Apesar da rotina de violência enfrentada pela população, o Rio de Janeiro não tem uma secretaria municipal de segurança pública, não tem um conselho municipal de segurança, não instituiu um fundo municipal para captar recursos para ações no setor – medidas que já foram tomadas por centenas de prefeituras no país”, disse Hugo Leal, integrante da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados.

Indio da Costa defende um programa de qualificação da Guarda Municipal e o uso de tecnologia de ponta para que os órgãos municipais possam ajudar as polícias nas ações contra o crime. “Nossa secretaria municipal de Segurança Pública terá uma Guarda agindo sob uma cultura cidadã de prevenção, de defesa das pessoas e da vida; e congregará órgãos estratégicos para o morador ter mais segurança”, disse o candidato a prefeito da coligação Juntos pelo Rio que, além do PSD e do PSB, tem a participação também do PMB (Partido da Mulher Brasileira). Indio acrescentou que a nova secretaria não exigirá a criação de novos cargos: “vamos usar os cargos que hoje servem para abrigar apadrinhados políticos na prefeitura – que não são poucos”

Escalado para coordenar a ação em parceria com outros municípios da Região Metropolitana na futura gestão, Hugo Leal defendeu ações conjuntas e integradas entre todas as esferas. “Para conter a escalada da criminalidade, é fundamental a maior integração entre as forças estaduais de segurança, as forças federais e também a guarda municipal da capital e as guardas de outras cidades da Região Metropolitana”, afirmou deputado do PSB que é o coordenador da bancada do Rio de Janeiro na Câmara.

Fotos: Glauber Paparazzi

 

About author

You might also like

Notícias 0 Comments

Campos recebe pré-congresso do PSB/RJ das regiões Norte e Noroeste do estado

Dirigentes municipais e militantes do PSB/RJ da região Norte e Noroeste do estado participaram do sexto pré-congresso regional do partido, realizado em Campos dos Goytacazes, na tarde deste sábado (27/05).

Notícias 0 Comments

Hugo Leal discute segurança de pedestres e ciclistas na Câmara

    O deputado federal Hugo Leal (PSB-RJ) presidiu, nesta terça-feira (20) na Comissão de Viação e Transportes, audiência pública para debater o Projeto de Lei 6.207/2013, de autoria do

Notícias 0 Comments

Em debate ao vivo, Felipe Peixoto defende mais atuação do município na segurança 

  Depois do ao vivo no SBT, candidato cumpriu agendas na Região Oceânica Os niteroienses tiveram nesta sexta-feira, 23, mais uma oportunidade de conhecer algumas das propostas dos quatro candidatos a

0 Comments

No Comments Yet!

You can be first to comment this post!

Leave a Reply